“Harmonia e Bem Comum” para os “Condomínios Fechados”

5

A ASCONH lança programa inédito e muito requisitado, para moradores e funcionários praticarem a boa convivência e zelarem pelo bem comum

 

 

 

Edição 120, outubro de 2016

 

A ASCONH com sua experiência de mais de 15 anos representando Loteamentos Fechados no Estado de SP, comprovou que é vital para o bom funcionamento deste modelo residencial e para a qualidade de vida dos seus moradores, a harmonia e o espírito cívico que zele pelo bem comum.

Afinal, é um modelo baseado na prática democrática em sua essência, onde se votam seus dirigentes e todas as decisões importantes do “bairro”. Os loteamentos fechados só existem e funcionam graças à vontade expressa de seus moradores. Eles que administram, investem e regulam todo o bairro, por isso deve-se predominar a harmonia, o bem comum e o espírito cívico. Todos são agentes destes objetivos, pois além de indivíduos, pertencem a um grupo que só se preservará se for bem administrado, regulado e harmonioso.

Partindo desta necessidade, está sendo criado um extraordinário programa interdisciplinar que visa implantar a boa convivência e o espírito do bem comum dentro dos condomínios fechados. Será realizado a partir da realidade de cada Residencial e implantado em diversos formatos como oficinas, eventos, palestras, jogos e atividades, sempre muito atraentes e divertidos para todas as idades, incluindo pais e filhos de moradores, funcionários e visitantes. Todas as atividades focadas não para simplesmente fazer amizades, mas para conscientizar e exercitar o respeito entre todos e os princípios do bem comum.

Ideias criativas e lúdicas como jogos, que exigem trabalho em grupo das crianças e mesmo de adultos presentes e também sorteios para trabalhos solidários e gincanas que premiam atitudes comunitárias, entre muitas outras atividades. Quanto mais houver respeito mútuo e cooperação entre todos, mais qualidade de vida teremos.

Este programa terá o slogan “Bom pra todos nós” e começará a ser realizado ainda este ano em alguns condomínios fechados.

Acompanhem a evolução e notícias do Programa “BOM PRA TODOS NÓS” em nossa publicação porta voz, A REVISTA RESIDENCIAIS.