Nossa História

Milhares de famílias constroem suas casas em loteamentos fechados em busca de segurança, qualidade de vida e paz.
Porém, este excelente modelo residencial é novo e sua legislação esta ainda em desenvolvimento.
Este processo de adequação tem gerado polêmica e conflitos de interesses diversos. Empreendedores, construtoras, grupos políticos, governos e residentes buscam defender suas razões e objetivos diversos. Com isso, surge a necessidade absoluta de uma entidade que represente única e exclusivamente os interesses destas famílias, destes residenciais, garantindo a essência deste modelo: segurança, legalidade e investimento das famílias.
Assim em 2004, na região da Granja Vianna, lugar de maior concentração de loteamentos fechados do Brasil, surge a ASCONHSP (Associação dos Condomínios Fechados, Horizontais, Urbanísticos e Loteamentos Fechados do Estado de São Paulo) e na sequência o SINLOFESP (Sindicato dos Loteamentos Fechados do Estado de São Paulo) e o SINDCONDOMÍNIOS (Sindicato dos Condomínios e Edifícios, Residenciais, Comerciais, Mistos, Horizontais e Verticais de T aubaté e Região).
Hoje, a ASCONHSP é referencia nacional em loteamentos fechados, sendo consultada por dezenas de prefeituras, entidades governamentais, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP , jornais e revistas de todo o Brasil. Isso em virtude de seu knowhow e de uma sólida agenda de trabalhos em todas as esferas, principalmente dentro de órgãos federais, estaduais e municipais incluindo o Ministério Público e o Judiciário.